Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Clinica Odontológica Silvânia Rocha
Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Bem vindo, você é meu visitante número:

contador

Lomadee

Viaje pelo mundo com a ZARPO!

Patrocinando Em nossas Vidas

sábado, 8 de fevereiro de 2014

Sons do Silêncio


 
Algumas vezes sinto uma parada no tempo, apesar de saber que tudo ao meu redor o tempo todo está em constante movimento.
Sempre fui um tanto quanto quieta apesar de tagarela, vá entender. kk
Mas são os sons do silêncio que mais me ensinam, é onde me sinto mais eu. É quando mergulho fundo.
Ontem a noite estava aqui na varanda, curtindo uma baita de uma saudade do meu amor, nossa e como o coração fica pequeno e o silêncio vem com tudo. Por mais que a tv esteja ligada os meninos estejam naquele folia. Eu ensurdeço e nessa hora aqui deitada olhei para o céu e vi a lua, lá longe.
Tirei uma foto e mandei pro amor no whatsapp...kkkk
Olhando a lua vendo as suas curvas indefinidas, suas sombras.
Eu ouvi o som do meu mundo noturno. As crianças correndo aqui pelo condomínio, depois cada uma delas se saindo e o silêncio novamente reinando.
Você já está carequinha de saber que a insônia quase sempre fica comigo a maioria das minhas noites. E ontem a noite não podia ser diferente.
Então o filme aqui acabou a varanda ainda aberta, pude vê-la novamente lá bem mais longe dessa vez... tímida dando vazão a escuridão da madrugada.
E ouvi grilos lá em baixo, o vento, a brisa também faz barulho.
 
 
É quando fico aqui comigo, me perguntando, me respondendo, me observando.
E vi Tiago dormindo ao lado de João e como o tempo passou ... outro dia estava amamentando o João, passando pela minha via crúcis como meu pequeno recém-nascido.
Vi as voltas que a minha vida deu, os atalhos que me perdi querendo chegar mais rápido a lugar algum.
De repente me vi rindo sozinha lembrando das artes de cada um deles quando pequenos.
E o som do meu sorriso me despertou porque numa fração de segundos estava com ar de ausência de mim mesma, me buscando onde a minha saudade queria me levar..
Para os braços do amor
Mas a vida, a lógica do nosso caminhar, das nossas próprias escolhas, tem razões que a própria razão desconhece.
E lá estava eu, altas horas, com meu branquinho ( celular, que o amor me deu kkk ) vendo nossas fotos. E rindo, nossa rindo muito.
Porque se tem uma coisa que o meu mozão faz além de proporcionar momentos de muita alegria, de felicidade... é sorrir.
 
 
 
E foi nesse silêncio ainda sem sono que ouvi a minha gratidão em forma de prece, agradecendo a Deus por ter caminhado até aqui. Pelos meus erros principalmente pois foi errando que tenho certeza que em alguma coisa acertei. 41 anos de acertos e desacertos, de conceitos formados, alguns reformados e outros simplesmente descartados.
A agradeci por estar (acredito eu) aprendendo a cada novo dia a viver com tudo aquilo que Deus me proporcionar como suficiente.
 
Bjs e até o próximo post
Debby :)
 
 
 

Você vai gostar de ler

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Campanha de incentivo a Leitura

Campanha de incentivo a Leitura
Vamos ler mais e melhor!